Análise da champions league 2021

Assistiu: 44
Análise da champions league 2021 A Champions League é a mais importante competição internacional de futebol a nível de clubes e, por isso, é aquela que mais atenção desperta entre os seguidores de todo o mundo. Afinal de contas, é aqui que é sagrado o campeão europeu dessa época desportiva, o título mais elevado de clubes.

A Champions League surgiu oficialmente no ano de 1992, sucedendo à predecessora Taça dos Clubes dos Campeões Europeus, pela mão da UEFA, a entidade que gere as competições de futebol do antigo continente. Enquanto que até aí a competição era aberta exclusivamente aos campeões nacionais de cada país participantes, com a entrada em cena da Champions League esta passou a ser maior e, claro, mais excitante.

Assim, consoante a classificação no ranking anual da UEFA, os diferentes países podem qualificar até cinco clubes. Depois de três rondas de qualificação, as 32 equipas apuradas vão-se defrontar num sistema de oito grupos, onde são novamente apurados os dois primeiros classificados. A partir daí a competição entra num playoff a duas mãos, até à final que consagra o grande campeão europeu.

Apesar de todos os efeitos adversos da recente pandemia da covid-19, que também afectou profundamente o funcionamento das competições futebolísticas, a Champions League desta época de 2020-21 não perdeu qualquer pinga de excitação. Antes pelo contrário. Ao actuarem em estádios sem público, os clubes vêm-se privados quase do factor casa, que dá vantagem muitas vezes às principais equipas. Por isso, a expectativa para ver se os alemães do Bayern de Munique vão revalidar o título da última época ou se o galardão vai ser entregue a outro clube é grande. Candidatos à vitória são muitos, mas ninguém se arrisca a apontar um favorito. As previsões nesta competição são tão incertas quanto inesperadas.

O que esperar dod playoffs?

A Champions League 2020-21 acaba de entrar na sua fase de eliminatórias, depois do período de grupos. Não se pode dizer que tenham havido grandes surpresas até este momento. Os principais clubes cumpriram com mais ou menos distinção, qualificando-se em primeiro ou em segundo nos respectivos grupos para a fase seguinte,

Entre as maiores surpresas terá estado o Manchester United, que acabou relegado para a Liga Europa, depois de uma prestação abaixo dos seus pergaminhos no grupo H. Com 9 pontos, o conjunto de Manchester terminou na terceira posição, ultrapassado pelo milionário Paris Saint-German e pelos alemães do Leipzig. Aliás, ambas as equipas terminaram com 12 pontos, 3 a mais do que o Machester United.

Em contrapartida, a Atalanta assumiu-se como a principal supressa pela positiva. O conjunto italiano qualificou-se no grupo D na segunda posição, apenas atrás do Liverpool, campeão inglês em título. A Atalanta deixou para trás os dinamarqueses do Midtylland e os favoritos Ajax, que assim passaram para a Liga Europa. A Atalanta tem sido uma agradável surpresa no campeonato italiano e estendeu as suas boas exibições à Champions League.

Na entrada para os 16-avos-de-final existem já alguns clubes grandes que vão ficar pelo caminho. O jogo grande será o Barcelona contra o Paris Saint-Germain, dois eternos candidatos ao título, que na primeira mão terminou com uma vitória expressiva dos franceses por 4 bolas a 1, no terreno dos catalães. Com alguma surpresa, a Juventus, de Cristiano Ronaldo, saiu derrotada na sua visita ao Porto. Contudo, o resultado por 2 bolas 1 deixa tudo em aberto para a segunda mão.

Para já, é muito complicado apontar favoritos à vitória final. O Bayern de Munique, enquanto detentor do título, será porventura aquele que reúne as maiores probabilidades. No entanto, não se pode relegar para segundo plano o Liverpool, que apesar de estar a fazer uma época abaixo do esperado, continua a apresentar um futebol de alta qualidade, o Manchester City e o Real Madrid. Pela sua vitória categórica contra o Barcelona, os franceses do Paris Saint-German também são uma equipa a manter debaixo de olho.

O que os portugueses podem esperar?

A prestação dos clubes portugueses ficou logo marcada pelo afastamento do Benfica na terceira pré-eliminatória de acesso à fase de grupos, às mãos dos gregos do PAOK de Atenas. Com um golo dramático marcado pelo seu antigo jogador, Andreja Zivkovic, os encarnados foram afastados num ano em que apostaram forte desportivamente falando, com um investimento avultado em jogadores e no treinador Jorge Jesus, resgatado aos brasileiros do Flamengo, onde se sagrou campeão nacional e sul-americano.

Assim, os campeões em título, FC Porto, foram a única equipa nacional a representar Portugal na fase de grupos d Champions League. E, para já, estão a cumprir com distinção. Num difícil grupo C, terminaram em segundo lugar, atrás do Manchester City, afastando os gregos do Olympiakos e os franceses do Marselha. Além das boas exibições, o registo do conjunto de Sérgio Conceição foi bastante positivo, terminando apenas com 1 derrota e com 10 golos marcados contra apenas 3 sofridos.FC Porto Champions League

Para já, o futuro não se afigura fácil para os campeões nacionais. Nos 16-avos-de-final calhou-lhes a Juventus, uma das grandes equipas do futebol europeu, mas mais uma vez o FC Porto cumpriu. A jogar em casa, venceram por 2 a 1. Partem em vantagem para a segunda partida, se bem que está tudo em aberto. E a Juventus continua a ser a favorita, ou não contasse nas suas fileiras com Cristiano Ronaldo, o melhor jogador do mundo. Mas isso retira toda a pressão ao FC Porto, o que pode ser uma vantagem.

Por falar em Cristiano Ronaldo, o português continua a ser um dos grandes candidatos a levantar o título, mas também a distinção de melhor marcador da Champions League. Para já só tem 4 tentos, longe dos 8 do norueguês Erling Haaland, do Borussia de Dortmund, que lidera a lista. Mas já se sabe que o português tem queda para os jogos grandes e costuma facturar nas partidas a doer. Por isso, é esperar para ver, porque toda a gente sabe do qye Cristiano Ronaldo é capaz de fazer.

Quanto a outros portugueses, destaque para a armada lusa do Manchester City. O conjunto orientado por Pep Guardiola tem apostado regularmente em Bernardo Silva, em João Cancelo e, especialmente em Ruben Dias, que pegou de estaca desde que chegou ao clube de Manchester no início da época vindo do Benfica. No Atlético de Madrid, uma das equipas a correr por fora nesta edição da Champions League, destaque também para João Félix, o mais caro dos jogadores de futebol de sempre, que continua a fazer uma época muito interessante e que tem feito uma dupla atacante de respeito ao lado do uruguaio Luis Suárez.

Finalmente, destaque para Diogo Jota e Danilo. O primeiro, depois de um arranque demolidor no Liverpool, onde foi contratado no início da época aos ingleses do Wolverhampton, teve uma lesão complicada, da qual está agora a votar. No Paris Saint-German, Danilo não tem sido uma opção regular, mas sempre que foi chamado cumpriu, especialmente na posição de defesa-central. Quanto a Trincão, o outro português ainda em prova, começa agora a aparecer no Barcelona de Messi, onde se estreou a marcar. Tem sido um ano ascendente para o jovem vindo do SC Braga, que pode vir a ser um trunfo importante no ataque dos catalães.

Direitos de Uso Possuídos melap.pt


Postagens interessantes
Casino ao vivo: então e agora 02-07-2020 (19:58)
Casino ao vivo: então e agora

O ponto de viragem chega em 2001. O número de fabricantes de software de jogo está a crescer, há cada vez mais novos tipos de jogo, e alguns anos mais tarde,...

Consulte Mais informação
Porque é que jogamos? Qual é a psicologia por detrás das apostas?

As opções que estão em cima da mesa Quando estamos a considerar começar uma jornada no Universo daquilo que podem ser consideradas apostas, acabam por se to...

Consulte Mais informação
Tendo chegado ao fim de 2020, Portugal está de parabéns!

Desde Fevereiro e Março que as regras de confinamento obrigatório, as máscaras e as diretrizes da Direcção Geral de Saúde se impõem ao dia-a-dia de cada Port...

Consulte Mais informação
Como aprender a fazer apostas? 19-05-2020 (18:56)
Como aprender a fazer apostas?

Estas são apenas algumas das questões podem estar a passar pela tua cabeça neste momento. Se, como tal, já alguma vez tiveste curiosidade de aprender mais so...

Consulte Mais informação